17 AGOSTO 2022 - Já a alguns anos a Igreja Católica, junto com outras comunidades cristãs, celebra em 1º de setembro o Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação.

 

A data abre o Tempo da Criação, período dedicado a diversas atividades na perspectiva da ecologia integral. Participar das ações do Tempo da Criação reforça a necessidade de mudanças de hábitos na direção de uma ecologia integral.

O Tempo da Criação é um tempo de graça que a Igreja, no diálogo ecumênico, oferece à humanidade para renovar sua relação com o Criador e com a criação, por meio da celebração, da conversão e do compromisso conjunto. Em outras palavras, o Tempo da Criação é a celebração ecumênica anual de oração e ação pela nossa casa comum.

 

 

🗓️ Período do Tempo da Criação

O Tempo da Criação começa no dia 1º de setembro, Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação, e termina no dia 4 de outubro, festa de São Francisco de Assis, o padroeiro da ecologia amado por muitas denominações cristãs. Indivíduos e comunidades são convidados a participar por meio de orações, projetos de sustentabilidade e mobilização profética.

🔸 Oração: Organizar um momento ecumênico de oração que reúna todos os cristãos e cristãs para cuidar de nossa casa comum.
🔸 Sustentabilidade: Conduzir um projeto de limpeza que ajude toda a criação a prosperar.
🔸 Mobilização profética: Defenda a justiça climática participando ou liderando uma campanha contínua, como o movimento de desinvestimento de combustíveis fósseis.

🔥👂Tempo da Criação 2022

Este ano, o tema proposto é: “Escute a voz da criação”, e o símbolo escolhido é a sarça ardente. Durante a pandemia do COVID-19, muitos se familiarizaram com o fato de serem silenciados nas conversas. Muitas vozes são silenciadas no discurso público sobre as mudanças climáticas e a ética da conservação da Terra. São vozes de quem sofre os piores impactos das mudanças climáticas. São vozes de pessoas que têm sabedoria ancestral sobre como viver com gratidão dentro dos limites da terra. São vozes de uma diversidade cada vez menor de espécies além da humana. É a voz da Terra.

📗 A história do Tempo da Criação

Em 1989, o Patriarca Ecumênico Dimitrios I proclamou 1º de setembro como o Dia de Oração pela Criação para os Ortodoxos. Posteriormente, o Conselho Mundial de Igrejas (CMI) estendeu a celebração até 4 de outubro, dia de São Francisco de Assis. Por sua vez, em 2015, o Papa Francisco oficializou o Tempo da Criação para a Igreja Católica Romana.

A este respeito, o Papa Francisco expressou em 2015: “Anualmente, o Dia Mundial de Oração pelo Cuidado da Criação oferecerá a cada fiel e às comunidades a preciosa oportunidade para renovar a adesão pessoal à própria vocação de guardião da criação, elevando a Deus o agradecimento pela obra maravilhosa que Ele confiou ao nosso cuidado, invocando a sua ajuda para a protecção da criação e a sua misericórdia pelos pecados cometidos contra o mundo em que vivemos. A celebração deste Dia, na mesma data, com a Igreja Ortodoxa, será uma ocasião profícua para testemunhar a nossa crescente comunhão com os irmãos ortodoxos”.

👥 Quem pode participar da celebração do Tempo da Criação?

Todos: fiéis e não religiosos. Porque todos somos chamados a viver em harmonia, sendo guardiões responsáveis da nossa casa comum, o que implica que todos devemos nos comprometer a cuidar da vida em todas as suas formas, lembremo-nos que cuidar não se refere apenas a proteger, mas implica necessariamente amar, contemplar e sentir parte da obra criadora de Deus. O Tempo da Criação é um momento propício para refletirmos sobre a importância da conversão ecológica, para trabalharmos na conquista de uma Ecologia Integral e, acima de tudo, para reconhecermos que toda a criação fala da beleza de seu autor.

▶️ Para refletir sobre o Tempo da Criação 2022, a Coordenação Diocesana da Pastoral da Ecologia Integral, promoverá no dia 29 de agosto, uma formação on-line. 

🟧 CONVERSA: TEMPO DA CRIAÇÃO 2022

29 de agosto (segunda-feira)
20h as 21h30

pelo aplicativo zoom.

🟡 Link de acesso:
https://us06web.zoom.us/j/9549546141

 

01aTempoCriao.jpg